domingo, 22 de novembro de 2009

Dançando em casa - Giros

É uma coisa que, graças a Deus, eu aprendi quando eu fazia jazz, pois eu vejo algumas didáticas com relação aos giros que são uma verdadeira tortura medieval com as pobres coitadas das alunas.
Quando eu estudei giro, há alguns anos atrás, aprendi ele por etapa, degrau por degrau, já que temos que movimentar a cabeça antes do restante do corpo, o que já é um grande problema, piora mais ainda porque ela é a última que deverá "girar" e a primeira chegar. o.0'
Como estudar giro:
1- JAMAIS abra o peito, ou seja, projeta-lo a frente ou "abrir as costelas", porque com isso você está jogando parte do teu peso para frente e nunca encontrará o teu eixo de equilíbrio e conseqüentemente você empinará o bumbum. ERRO FATAL!
2- Marque um ponto fixo na parede a sua frente, e fique olhando de lado, com todo o corpo de perfil.
3- Pise abrindo as pernas na lateral e abra os braços também, continue olhando o ponto inicial, e dê meio giro pela frente fechando braços e pernas.
4- Aqui é aonde mora o perigo, você terá que tentar virar sua cabeça por trás para olhar no mesmo ponto incial novamente e girando o corpo também abrindo perna e braços novamente.

Não será fácil, e não terá resultados imediatos, mas isso funciona com certeza! Vá devagar, treinando aos poucos, quando ficar tonta para e respira fundo, faça isso no máximo uns 10 minutos por dia, são mais do que suficientes. E vá aumentando a velocidade gradativamente, assim que você pegar confiança.

2 comentários:

  1. Engraçado como tem gente que acha que nunca precisaria estudar técnicas de outra dança pra decifrar o que acontece ou melhorar o que faz né? rsrsrs
    Mais um post essencial, parabéns :)
    Quando eu crescer vou escrever assim, não sei nem explicar um shimmi kkkkk

    Beijoca

    ResponderExcluir
  2. Pois é amiga, meu giro é o que é hoje graças ao professor Luis Montalvan, e ninguém mais!
    Aprendi com ele, um senhor professor, a girar e não ficar tonta, não perder o eixo, meia ponta, postura, arabesque, pernas, alongamento, encaixe de quadril, deslocamentos, jogadas de perna, TUDO foi graças a ele que não tem nada a ver com a dança do ventre.
    Muitíssimo obrigada pelo elogio amiga!!!
    Bjooooooos!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...